COMO COMBINAR CORES SEM QUE FIQUE OVER

Essa é uma pergunta recorrente: "Como faço para combinar cores sem que fique over?" "Como controlar os excessos? "Quero colorir mas acaba ficando muita informação, como faço para dosar as cores?" E estas dificuldades trazem oculto um problema ainda maior. Quando você fica receosa em como combinar cores, acaba escolhendo as básicas e no fim do dia se frustrando também. Vamos mudar isso?

Projetos incríveis também descansam em cores incríveis. E sabemos que às vezes dominamos muito bem todas as áreas técnicas relacionadas com os nossos projetos para depois nos frustrar porque não conseguimos criar uma paleta de cores que nos satisfaz.


O bom é que saber combinar cores é algo que pode ser aprendido, não é um dom de uns poucos sortudos.


Vamos começar pelo começo. Para combinar cores com maestria é preciso poder responder claramente - antes de sair combinando - a seguinte pergunta: O que desejo comunicar? Dizer isso pode parecer básico mas não é. Pelo simples motivo de que ser "over" pode ser exatamente o que você mais precisa. O que quero dizer com isto?


Que ser over não é de antemão "mau" per se. Pode chegar o dia em que você precise mesmo se exceder, passar dos limites, se descontrolar no colorido para que você ou seu projeto se destaque na multidão. Se não, vamos perguntar a Iris Apfel.


A escolha de uma paleta de cores, de uma combinação de cores, tem a ver com o que deseja se comunicar e com o contexto. É preciso perder o medo de ser intencional no uso das cores. Já se foi o dia em que estilo era ditado de fora para dentro. As cores do seu projeto, produto ou look devem somente refletir o estilo que você deseja imprimir. Nem preciso dizer que quanto mais genuíno for esse estilo, melhor, certo?


Nesse sentido, ser over nas cores é tão ruim quanto ser básico demais. E essa é a grande questão de todos que trabalhamos com cores: "sentir" que a nossa paleta de cores está certa.


Colorir é a junção de dois mundos que quando se complementam fazem maravilhas: usar conceitos de teoria de cor aliados à intuição é a melhor forma de criar combinações de cores incríveis.

Tenho 3 conselhos que podem te ajudar a melhorar no expertise de combinar cores:



> Usar contraste com intenção. Tecnicamente uma combinação é um jogo de contrastes. Contrastes de cores mais próximas ou mais longe no círculo cromático, contraste de luz e sombra, contraste de intensidade, contraste de temperatura. E basicamente esse contraste pode ser alto ou baixo (ou intermediário, mas pensar nos extremos sempre serve mais para entender as possibilidades). Se o que você busca é dinamismo sugiro que vá atrás de algum tipo de contraste alto (pode ser das cores em si mesmas, de luminosidade, de saturação ou de temperatura) quanto mais contraste mais intensidade visual. Se o que você busca é calma sugiro que vá atrás de algum tipo de contraste baixo (de novo, pode ser das cores em si mesmas, de luminosidade, de saturação ou de temperatura).

> Focar no balanço das cores. Toda combinação de cores é uma relação. A combinação é o resultado final das cores em conjunto e não das partes isoladas. Ao pensar assim vemos a importância das proporção em que cada uma das cores é usada. Essa proporção define o balanço da combinação. Não é o mesmo 70% vermelho mais 30% verde, do que 70% verde e 30% vermelho, certo? Não é o mesmo 90% preto e 10% branco, do que 50% preto e 50% branco, certo?



> Beber de inspiração direto da fonte. Observar as cores na natureza é a melhor forma de aprender a combinar cores e se conectar com uma sabedoria colorida que está no seu interior. Acredito fortemente que somos feitos da mesma matéria presente em todo o Universo. As cores que vemos lá fora, estão dentro de você, dentro de mim, dentro de todos nós seres humanos. O que acontece é que nos desconectamos e não confiamos na nossa intuição colorida tudo que devíamos. Estar em corpo e alma na natureza, observando suas formas, cores e texturas, é a melhor forma de trazer inspiração para nosso dia a dia.

E vamos cada vez mais combinar cores com intenção!

Sem errar, sem medo, com confiança, com liberdade.


Abraço colorido!


Felicitas