A MELHOR FORMA DE USAR O CÍRCULO CROMÁTICO

O meu primeiro círculo cromático - e que me acompanha até hoje - foi o que ganhei em 2015 quando fiz um curso online com a consultora de cores americana Kate Smith. Eu lembro da minha felicidade quando chegou o pacote pelos correios - tinha voado desde Estados Unidos até o Brasil - e na aba da pasta vi ele: grande, colorido, girava, mostrava tantas cores de ambos os lados. Precisava entender como usar ele. E isso fiz. Hoje vou te mostrar a melhor forma de usar o círculo cromático.


Eu gosto sempre de começar pelo começo :) E se tratando do círculo cromático é preciso dizer que ele é uma criação humana, uma representação gráfica das cores espectrais ou cores do arco íris. Pelo menos, essa foi a intenção do primeiro círculo cromático conhecido lá em 1704 e criado pelo físico e matemático Isaac Newton. Veja abaixo o desenho tal como ele fez já fazem mais de 300 anos! Foi Newton quem descobriu algo que hoje é considerado básico mas na época foi uma revolução: que um raio de luz solar contém nele todas as cores do arco íris. Isso tem um enorme significado porque demonstra que a cor é luz e como tal carrega também toda a energia da luz :)


Quer saber uma curiosidade? Isaac Newton desenhou este primeiro círculo cromático dando a cada cor a mesma proporção que ele via quando observava o arco íris. Assim este círculo tem uma "fatia" maior de vermelho (Red) do que de laranja (Orange) por exemplo, ou podemos ver que a "fatia" de violeta (Violet) é maior que a fatia de índigo (Indigo), por exemplo.

Hoje estamos acostumados a ver um círculo cromático deste tipo, formado por 12 cores e onde cada uma delas ocupa uma "fatia" do mesmo tamanho. E essas cores são: as três cores primárias (amarelo, vermelho e azul), as três cores secundárias (laranja, violeta e verde), seis cores terciárias ou intermediárias (amarelo alaranjado, amarelo esverdeado, azul esverdeado, azul violáceo, vermelho violáceo, vermelho alaranjado).


Quer saber outra curiosidade? A forma correta de segurar o círculo cromático é sempre com a cor amarela na parte superior (tal como está na foto acima). Quando eu li isso pela primeira vez me pareceu arbitrário mas depois usando ele vi que ajuda segurar ele sempre da mesma forma para ter sempre a mesma visão. Ajuda a depois "ver na mente" o círculo cromático mesmo quando não estamos segurando ele na mão. Se você às vezes se perde usando o círculo... esta dica será de grande ajuda. Confia em mim :)


Depois de identificar as cores primárias, cores secundárias e as cores intermediárias vale muito a pena falar de temperatura de cor. O conceito pelo qual separamos as cores em dois grupos, por um lado as cores quentes (em destaque na foto abaixo). Chamamos a estas cores que vão do amarelo até o vermelho violáceo de cores quentes pela associação que fazemos do vermelho com o fogo e portanto com o calor.