A COR DE 2020: AZUL DO CÉU e AZUL DO MAR

No momento em que escrevo isto já faz alguns dias que o céu de São Paulo está coberto de nuvens. Olho pela janela e vejo aquele céu cinza prateado. Cadé o azul?


Quando a Pantone nomeou Classic Blue como a cor do ano para 2020 justificou sua escolha dizendo: “Estamos vivendo um tempo que requer de confiança e fé. Esse tipo de constância e confiança é expressada por Classic Blue, uma tonalidade de azul na qual sempre podemos confiar”, em palavras de Leatrice Eiseman. E sim, ela tem razão!


Olhando de novo pela janela o cinza prateado…sei que logo mais, as nuvens seguirão seu caminho, tudo vai limpar…e o céu azul voltará! E eu posso ter 100% certeza disso, o céu azul está lá atrás, esperando por mim, por trás das nuvens cinza prateadas, e ele e eu voltaremos a estar juntos. Nisso eu posso confiar 🙂


Assim de constante é o azul.

Que azul está em alta e é uma cor incrível não há dúvidas e algo disso vamos ver hoje. Na tendência de cores de 2020 que eu desenvolvo no estúdio Cores Lovers, o azul fica em evidência por trás de um tema de importância crescente para todos nós.


Todos sabemos que os mares estão cheios de lixo reflexo da nossa negligência como habitantes do planeta em cuidar da nossa própria casa. Adoramos o mar azul, mas se desejamos que assim fique precisamos acordar para a nossa responsabilidade em cuidar dele! O azul marinho, azul profundo, azul naval e se pensamos nas águas do Caribe, azuis turquesas, são imagens cromáticas que descansam na idéia de um mar limpo. Pensa nisso. Duas imagens que reforçam quanto devemos cuidar dos nossos mares azuis são a capa da National Geographic, Planet or Plastic?, e também a instalação que a artista Tan Zi Xi fez na amostra “Imaginarium: Over the Ocean, Under the Sea” no ano 2016 no Museu de Arte de Singapura. Em palavras dela mesma “ Eu queria recriar uma manifestação física do Grande Depósito de Lixo do Pacífico, onde crianças e adultos pudessem experimentar a imersão em um espaço coberto de lixo, simulando o ambiente de uma 'piscina de plástico'"

Mas voltando à cor azul e como veremos ela mais e mais em interiores, na moda, em acessórios e em objetos; é interessante notar que ainda quando a Pantone fala de uma tonalidade de azul, Classic Blue, veremos diferentes tons aparecendo com força ao longo deste ano e o próximo. Haverá azuis escuros e densos e outros luminosos e elétricos