5 PROPOSTAS DE CORES PARA PROVOCAR UMA MUDANÇA

Eu não sei se é a quarentena mas um tema recorrente estes tempos tem sido a vontade de mudar. Vontade ou necessidade, já nem sei dizer. Se falo por mim, vem um pouco de tudo. E se falo pelas pessoas que atendo nas consultorias cromáticas e projetos de interiores, também! A onda da pandemia veio e bateu forte, todos saímos um pouco despenteados, com areia no cabelo, areia dentro do maiô e um tanto mareados. Agora precisamos nos recompor. E a mudança bateu na nossa porta. 

Se você está aqui imagino que já saiba que eu trabalho colorindo casas. Se não, é bom saber 🙂 E as cores são ótimas aliadas para provocar uma mudança. Lembra que cor é energia. E essa energia pode jogar ao teu favor. Fazer isso não é muito complexo e eu quero te ajudar. 

Eu pensei em como posso te ajudar e trouxe aqui 5 “cases”. Fiz estes cases a partir de 5 gostos ou preferências de cores: quem gosta de preto e branco, quem gosta de bege, quem prefere marrom, quem adora azuis escuros e quem não vive sem a cor cinza. Se você se identifica com algum destes perfis, eu tenho uma proposta para você. Espero ser suficientemente hábil com as palavras para poder fazer chegar minha mensagem até você (lembra que português é minha segunda língua apreendida de adulta). Vou fazer o meu melhor. Vamos lá! 

Se você ama preto e branco posso imaginar que é uma pessoa de personalidade forte e decidida. Preto e branco são opostos. Enquanto um simboliza o poder, o prestígio e a seriedade. O outro simboliza a calma, a pureza e a inocência. Símbolos da morte e do nascimento, são também dois lados da mesma moeda. Ausência de luz ou a luz total. Preto e branco se complementam como o yin e o yan. Juntos também falam de minimalismo e de um design diferenciado em evidência. Muitas vezes também símbolo de luxo. Ou referenciam uma ideia de design gráfico, se em companhia de outras cores intensas exaltando o lado lúdico da coisa. 

Para você que ama as cores preto e branco tenho duas propostas. Aperta o cinto!


1. Vermelho e azul. Estas duas cores são também opostas psicológicas. Enquanto o vermelho simboliza o dinamismo, o movimento e a força, azul simboliza a calma, a tranquilidade e a espiritualidade. Uma traz a força do sangue, a paixão; a outra a força da lógica, do intelecto. 

2. Rosa e marrom. De novo uma dupla de cores que são opostos psicológicos. O rosa é a cor da ternura, do romantismo, uma cor “livre e solta” que parece flutuar e nos transportar para um mundo de sonhos. Marrom é a cor da tenacidade, do conformismo, dos pés bem plantados na terra. Juntos criam um par que de novo lembram a ideia de bons complementos (cuidado, não to falando de cores complementares), de cores que se conectam como em um abraço. 

Se você ama a cor bege posso imaginar que gosta de um estilo clássico, aquele eterno que nunca sai de moda, mais conservador e formal. Prefere tons claros, sem muitos contrastes. Talvez goste também de usar acessórios marcantes e diferentes texturas, seja no vestir ou na casa.


Para você que ama a cor bege quero te fazer uma proposta também ousada mas consciente. Que tal dar uma chance para os tons terracota? Eles são os clássicos do Brasil, eles também carregam uma tradição antiga do fazer manual, da sabedoria da terra, do conhecimento ancestral. Diria que é a releitura do clássico grego e romano para estas latitudes. É uma cor que também aceita muito bem acessórios em cobre ou latão por exemplo, fazendo um High-Low delicioso.


Se você ama a cor marrom posso imaginar que seja uma pessoa confiável, pé no chão, segura de si mesma. Você vive pelos seus valores. Tudo isso é ótimo mas também pode ser que seja difícil fazer você mudar de ideia, e no pior dos casos pode provocar uma certa rigidez (ou pelo menos a aparência de rigidez).


Para você que ama a cor marrom quero te convidar a experimentar os tons de azul mais escuros. O azul noite e azul marinho são cores que também falam de estabilidade e de confiabilidade, mas ao mesmo tempo são cores que agradam a grande maioria das pessoas portanto geram proximidade. Todos nos sentimos igualmente acolhidos na frente do azul porque é uma cor que fala baixo e pausado, ela nos dá lugar ou inspira boas e profundas conversas. São cores que farão que você relaxe tranquilo.


Para você que já ama azuis escuros que tal provar com outras tonalidades escurecidas como verde oliva ou bordô? Estes como exemplos, porque na verdade se você já gosta muito do azul noite por exemplo, imagino que também pode gostar de vários tons escurecidos (aqueles que têm preto na sua composição e portanto refletem menos luz). Estou aqui dando verde oliva e bordô porque são cores que vão de maravilhas em ambientes seja em tinta ou em estofados, por exemplo.

Se você ama a cor cinza imagino que é uma pessoa que não gosta de chamar atenção ou também pode ser que busque um lugar seguro, um espaço de conforto onde o seu emocional não seja abalado facilmente. É uma cor séria e silenciosa. Que fala baixo somente através da cor subjacente. Ou seja, se sua preferência é por cinzas azulados portanto procura também uma conexão com a lógica e o intelecto. Se prefere os cinzas esverdeados, talvez tenha uma perna no estilo clássico. E se são os cinzas avermelhados que batem forte em você, pois então talvez tudo seja somente uma fachada 🙂


Para você que ama a cor cinza tenho uma proposta indecente mesmo. Que tal abrir a porta para um color blocking pra valer? Dar um bela arejada sem medo. Eu sei, pode ser apavorante. Mas se serve de consolo, eu posso segurar a tua mão aqui do outro lado. Cinza e mostarda, cinza e azul royal, cinza e verde cítrico, cinza e lilás… ah.. me pede para parar porque eu sozinha não consigo. Sério, fora brincadeira. Pode ser assustador mesmo, mas pensa que o cinza da segurança ainda estará com você e seus efeitos se mantém. Verdade.


Bom, até aqui cheguei. São 5 propostas de cores concretas para provocar uma mudança. Usa estas sugestões para mudar a tua casa ou para o teu vestir. Eu sempre reforço que sou especialista em cores, não em coloração pessoal ou estilo. Mas as cores falam uma língua que usamos de várias formas. E disso eu entendo. 


Espero que se você se identificar em algum destes 5 “cases” possa usar as dicas para provocar uma mudança positiva na sua vida. Disso se trata, de nos reencontrar. Sempre. Com muito amor e respeito por nós mesmos no caminho do autoconhecimento. 


Abraço colorido!

Felicitas


P.S. Se puder te ajudar de alguma forma entra em contato comigo por aqui pelo site ou via direct no Instagram. Não me segue ainda no Instagram? Bom, procura por @coreslovers Estou te esperando! 




Felicitas Piñeiro. Diretora Criativa e fundadora.

Especialista em cores e designer de Interiores.

Use cores sem medo.
Não existe emoção sem cor. 
felicitas@coreslovers.com
Rua Cristiano Viana 288, Pinheiros - São Paulo

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White Pinterest Icon

© 2020 por Cores Lovers.